Rede social não é um local de autodiagnóstico



É preciso ficar atento quanto a isso: buscas na internet sobre saúde (instagram, facebook, google e afins) são extremamente comuns, por isso, muitos sites potencializam a gravidade de determinados problemas porque essa é uma forma de prender o visitante em suas páginas. Como se não bastasse, o conteúdo desses sites pode não ter sido elaborado por especialistas, resultando em informações incorretas. 🤯 Temos que considerar, porém, que por mais que uma página sobre saúde seja detalhada e precisa, ela não consegue reproduzir os efeitos de uma consulta médica. Essas páginas precisam ser generalizadas, mas cada pessoa é diferente da outra, logo, deve ser tratada de forma individualizada. 😶 Diagnóstico, seja ele físico ou mental, deve ser realizado por um profissional capacitado, ok?! 😉